Bem vindo, Camaçari, 18 de Outubro de 2018

PCO confirma candidatura de Orlando Andrade ao governo

Escrito por: G1 - Política - 10 de Agosto de 2018

O Partido da Causa Operária (PCO) confirmou, em convenção realizada no domingo (5), em Salvador, o nome de Orlando Andrade como candidato ao governo da Bahia nas eleições 2018. O encontro estadual da legenda para a homologação ocorreu no bairro de Nazaré.

É a primeira vez que Orlando, que é carteiro e estudante de história, disputa o posto de chefe do executivo estadual. O vice-candidato na chapa será o taxista Silvano Alves de Souza, também do PCO. Em entrevista nesta quinta-feira (9), Orlando disse que a Bahia, assim como todo o Brasil, passa por uma situação de "decadência" em áreas como saúde, educação e segurança e afirmou que, se eleito, vai adotar medidas para mudar o cenário.

"Na área de segurança, hoje, basicamente temos um massacre em que a população mais pobre é a que mais sofre. A polícia tem servido apenas para controlar e oprimir os mais pobres, como forma de manter um estado capitalista e burgês. É preciso ainda melhorar, e muito, os nossos índices de educação e o acesso à saúde e temos projetos para isso", destacou.

O candidato também criticou a lei federal que estabelece um teto para gastos públicos, promulgada em 2016, e disse que, no comando do governo do estado, pretende lutar para revogar a norma, que, segundo ele, prejudica o repasse de verbas para áreas essenciais.

"Essa limitação, esse congelamento de gastos por 20 anos, resulta na destruição da educação pública. Há uma perspectiva de atraso e a tendência é a gente sofrer uma destruição também do SUS e das escolas e ter um sucateamento das universidades públicas, com a redução do investimento. É preciso acabar com isso, revogar essa lei para que possamos investir. Do contrário, não teremos dinheiro para solucionar os principais problemas", disse.

Propostas
Entre as propostas que pretende implementar, se eleito, o candidato do PCO manifestou intenção de:
• Adotar medidas para melhoria da área da saúde no estado;
• Adotar ações para "evitar o sucateamento do serviço público";
• Aumentar o número de concursados na área da saúde;
• Impedir a privatização de empresas públicas na Bahia;
• Adotar ações para melhoria da segurança pública;
• Revogar a lei do limite do gastos públicos

Perfil
Orlando Andrade de Jesus, de 33 anos, nasceu no ano de 1985 na cidade de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador. Ocupa a função de carteiro nos Correios e é ativista do movimento sindical da categoria no centro de distribuição de Feira de Santana.

Foi estudante de escola pública e chegou a ingressar no curso de economia na Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), mas não concluiu. Atualmente, é estudante de história em outra instituição de ensino. Nas eleições de 2016, foi candidato a vice-prefeito pelo PCO em Feira de Santana, ao lado de Leonardo Pedreira de Oliveira, mas a chapa não conseguiu o número de votos suficientes para ser eleita.

Outras Notícias:

 Veja todas as notícias

Buscar em Notícias

Cadastre-se

Receba nossos informativos no seu email:

Enquete

Como está o estado de conservação das ruas e estradas de Camaçari na sua opinião?

Resultado

Praça Desembargador Montenegro, n° 35, Centro,
Camaçari - BA
CEP: 42800-020

71.3627-5293
[email protected]

Navegação Rápida