Bem vindo, Camaçari, 19 de Agosto de 2018

Diretor filmado ao dar soco em aluno dentro de escola é exonerado do cargo

Escrito por: G1 - Salvador - 04 de Agosto de 2018

Diretor de escola que agrediu aluno dentro da unidade é exonerado do cargo.

O diretor da Escola Estadual Heitor Villa Lobos, localizada no bairro do Cabula VI, em Salvador, foi exonerado do cargo após ser filmado durante uma briga com um dos alunos da instituição, segundo informações divulgadas na sexta-feira (3) pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia, que apura o caso.

A briga ocorreu na tarde da quinta-feira (2). Um vídeo gravado por estudantes que assistiam a discussão, e que circula nas redes sociais, mostra o diretor, identificado como Reinaldo, agredindo o estudante, que tem 16 anos, com um soco. O caso ocorreu na quadra poliesportiva da unidade de ensino. 

O vídeo mostra que, após uma discussão verbal, o diretor coloca o dedo no rosto do menino e dá um soco no adolescente. Em seguida, o garoto reage e os dois entram em luta corporal. Depois, o menino foge e o diretor corre atrás dele. A gravação é encerrada logo depois.

Em nota, a secretaria informou que não concorda com este tipo de atitude e que está apurando o caso e adotando as medidas cabíveis. Ainda segundo o órgão, após a investigação, os responsáveis pela agressão serão punidos. Por causa da confusão, as aulas do turno vespertino foram suspensas na sexta. A secretaria não divulgou quem irá substituir o docente afastado.

Caso

Uma funcionária da escola, que também não quis se identificar, confirmou que o jovem foi expulso da escola há cerca de três meses por não frequentar regularmente as aulas. Segundo ela, Júlio continuava frequentando o local para jogar futebol com os colegas.

"Ele foi expulso porque não frequentava as aulas, mas todos os dias pulava o muro para jogar bola na quadra. Várias vezes chamamos a atenção dele, mas ele continuava desobedecendo a diretoria", disse a funcionária, que também não quis se identificar.

O pai do garoto negou que ele estivesse sido expulso da instituição. "Nunca recebi nenhum comunicado da escola avisando que ele estava expulso. Todos os dias ele vinha para a escola, normalmente", afirmou Júlio Roque. Procurada, a vice-diretora da escola, identificada como Zilda Dourado, não quis se pronunciar sobre o assunto. 

 

Outras Notícias:

Salvador
Escrito por: Pesquisa Web
17 de Agosto de 2018
 Veja Mais
Salvador
Escrito por: CN com Assessoria de Comunicação
17 de Agosto de 2018
 Veja Mais
Salvador
Escrito por: CN com Assessoria de Comunicação
17 de Agosto de 2018
 Veja Mais
Salvador
Escrito por: Pesquisa Web
16 de Agosto de 2018
 Veja Mais
 Veja todas as notícias

Buscar em Notícias

Cadastre-se

Receba nossos informativos no seu email:

Enquete

Como está o estado de conservação das ruas e estradas de Camaçari na sua opinião?

Resultado

Praça Desembargador Montenegro, n° 35, Centro,
Camaçari - BA
CEP: 42800-020

71.3627-5293
[email protected]

Navegação Rápida