Dicas da Gisa

É isto que impede muita mulher de ganhar músculo e perder gordura

Escrito por Pesquisa Web em 27 de Novembro de 2018
[É isto que impede muita mulher de ganhar músculo e perder gordura]

Não é incomum que mulheres que buscam emagrecer enfrentem dificuldades em meio a nova rotina alimentar e ao novo ritmo de atividades físicas, entretanto, diante de uma insistente falta de resultados, pode ser necessário olhar para outras possíveis explicações que podem estar servindo de obstáculo para o ganho de músculo e a perda de gordura. Uma justificativa possível pode estar relacionada ao hormônio testosterona.

Testosterona nas mulheres
A testosterona é um hormônio anabólico que promove aumento de massa magra, hipertrofia muscular e aumento de força. Por isso, apesar de ser um hormônio tipicamente masculino, também tem sido muito procurada pelas mulheres na busca pelo corpo perfeito.

O hormônio também está naturalmente presente no organismo da mulher, mas em pequena quantidade. Nas mulheres, esse hormônio é produzido nos ovários e nas glândulas suprarrenais, tendo entre suas funções auxiliar o processo reprodutivo, garantir maior disposição física, atuar como anti-depressivo e elevar a capacidade da memória.

Testosterona e dificuldade de emagrecer
De acordo com o endocrinologista Dr. Marcio Bellentani, algumas mulheres que enfrentam dificuldade de emagrecer podem estar esbarrando em um obstáculo comum a rotina de muitas pessoas: o consumo de bebida alcoólica.

Conforme o médico, alguns compostos presentes no álcool afetam diretamente a produção da testosterona, impactando no ganho de massa muscular e na queima de gordura. Fonte: VIX*

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Beber bebidas alcoólicas pode afetar a produção de testosterona, você sabia? Alguns compostos presentes no álcool afetam diretamente a produção de testosterona nos testículos, abalando as diversas células que o produzem, além disso, eles auxiliam na produção de endorfinas e prolactina e na transformação da testosterona em estrogênio, um hormônio considerado feminino. Além disso, o álcool dificulta a recuperação muscular e óssea, danifica o fígado e afetando o cérebro e o sistema imunológico, aumentando o risco de doenças e infecções. Essa queda do hormônio masculino prejudica também o ganho de massa muscular, dificultando a hipertrofia. Publicado em 2014, um estudo realizado no Japão confirmou que o tratamento com testosterona para massa esquelética gerou um aumento de massa muscular, com gasto maior de energia. O ideal é ter equilibro porque ter uma vida saudável vale muito mais a pena do que aquele drink no final de semana. #drmarciobellentani #SãoPaulo #Paranaíba

Uma publicação compartilhada por Dr. Marcio Bellentani (@drmarciobellentani) em

Compartilhe!